Colonização no sul do Brasil

O Brasil é um país muito rico em diversidade, possuindo um pouco de cada cultura do mundo praticamente, o que o tornou um país muito rico em diversos aspectos.

Nossa miscigenação ocorreu já no período de colonização com os portugueses trazendo escravos da África, fazendo com que suas culturas se misturassem ao longo do tempo.

Da mesma forma, os portugueses não foram os únicos europeus a pisarem nas terras brasileiras, pois houveram populações de diversas partes da Europa que tentaram a sorte no Brasil.

Algumas partes do Brasil tiveram maiores influências de uma cultura do que de outra, e em alguns casos houve uma mistura total, como o que aconteceu com a mistura do cristianismo com religiões africanas, dando vida à Umbanda.

O Sul do Brasil

A colonização do sul do Brasil aconteceu por volta do século XVII, quando os europeus começaram a ter interesse nessa região.
Isso se deve à grande quantidade de europeus que escolheram essa parte do Brasil como seu novo lar, provavelmente por conta da temperatura mais baixa que as demais partes do país.
O sul foi colonizados por europeus de diversas partes da Europa, como italianos, alemães, poloneses, espanhóis, etc. Destes povos, os italianos e alemães são os que mais se destacaram na colonização do sul do Brasil.
Por conta das características do sul, a ciência agrícola que mais se destacou foi a viticultura, ou seja, a produção da uva.

O sul hoje

A região sul é conhecida por ser mais rica que as demais partes do Brasil, principalmente por conta do turismo.
Possui os melhores índices de educação do país, além de alto IDH e uma cultura muito rica.
A maior parte do sul é vista como uma área turística, pois manteve laços fortes com o passado, o que pode ser visto nas casas, ruas e no modo de vida da população.
É conhecida como a parte produtora de vinho do país, e possui diversas marcas famosas no mercado de vinhos nacional.